VOZ

Maio 31, 2007

voz.jpg

Esse sal que chove

E das rochas se solta.

Soa branca e pura,

A espuma branca.

Paz que inunda, a melodia

Com bravura a suaviza.

Esses lábios que se abrem,

São as ondas que se formam,

È a voz que se bebe,

O teu mar, que se recebe.

 

GMT

João Gonçalves 26-04-2007

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: